GRAÇA, apenas um testemunho!

“Eu sempre fui um barmistvah (filho do mandamento), difícil deixar disso, só em Jesus mesmo!”  – Me disse o  Pastor José Pereira de  Loyola Junior, meu amigo e líder, numa conversa digital sobre o entendimento da GRAÇA.

Eis minha resposta que é também meu testemunho sobre o poder da GRAÇA:

O que me ajuda a entender e viver a Graça (embora precise de muito mais revelação e conhecimento praticado da Graça), é o fato de ter nascido em lar evangélico-legalista que me amedrontou e oprimiu durante a infância e adolescência, a ponto de amando profundamente a Deus e tendo a certeza do chamado pastoral, ter me desviado e afundado na podridão do pecado e neste período ter ouvido um pastor calvinista dizer a meu pai que desistisse de mim, pois eu não tinha sido “eleito para a salvação”!

Mas a GRAÇA já estava sobre mim e me seguiu por todos os horríveis lugares que andei (caminhos de morte, como me foi dito em profecia), foram cerca de 9 anos de depravação e corrupção, mas um dia fui vencido pelo AMOR e pela GRAÇA que me purificou e me colocou no ministério e, através de vales, desertos e montanhas tem me conduzido em segurança,  firme e inabalável na obra do Senhor, agora já são 29 anos de vitórias!

Todavia, volta e meia me vejo agindo, julgando (que terrível atitude) porque os laços do evangelho-legalista não foram totalmente arrancados.

Mas como o Apóstolos Paulo, deixo os embaraços e sigo em frente para o ALVO, CRISTO A GRAÇA ENCARNADA!

Anúncios